Truques para manter o peso ou emagrecer

Demorou, mas chegou! Esse é o quarto post do Guia do Preguiçoso Saudável. Tenho muito material pronto, faltando finalizar e editar fotos, mas não tinha certeza se vocês gostavam dessas dicas e me surpreendi em ver na pesquisa de público que é o assunto favorito. Prometo acelerar e ficar mais comprometida com o guia.

Quando venho falar sobre uma vida saudável sem neuras sempre tem algum comentário falando de dieta, perda de peso e afins. Antes não queria tocar nesse assunto porque peso é um negócio meio polêmico e também não é meu objetivo passar uma mensagem pró emagrecimento. Gostar do seu corpo, seja qual for o número do seu manequim, é o suficiente. Mas falar de emagrecimento faz parte também. Inclusive foi um dos motivos de eu ter começado a cuidar minha alimentação.

Tive uma época gordinha e não me aceitava de jeito algum porque sou baixinha, qualquer quilo a mais já parece dez. Comecei a perder peso quando fiz reeducação alimentar, em pouco menos de três meses já estava bem mais magra, a luta mesmo foi para manter e com o tempo aprendi alguns truques que provavelmente são para a vida inteira.
Simpatize com chás ou alimentos termogênicos
Alimentos termogênicos são aqueles que aumentam a temperatura do corpo e fazem o metabolismo trabalhar mais rápido, isso contribui na queima de lipídios (gorduras) e nos faz queimar calorias.
O meu chá termogênico favorito é o vermelho, da família do chá branco e do verde, porém não é tão amargo. O gosto é parecido com chimarrão. Além de acelerar o metabolismo, o chá vermelho atua como diurético evitando a retenção de líquidos (pode não ser gordura na sua barriga, às vezes é só inchaço) e também promove uma sensação de saciedade. No inverno costumo tomo morno, mas no verão gosto de fazer gelado. Quando trabalhava fora levava uma garrafinha de 500 ml com gelo e tomava durante o dia.

O indicado é tomar todo dia. Muita gente pode torcer o nariz por pensar que é tão amargo quanto o verde e nem vai considerar, mas para alegria de todos tem outros chás termogênicos que funcionam também: gengibre, canela, chá de hibisco, cravo da Índia e chá de casca da laranja. Se nenhum agradar é só usar a criatividade, dá para misturar com sabores que você mais gosta. Uma combinação bem bacana é chá de hibisco com chá de maçã, pessoalmente acho o hibisco muito doce e assim equilibra o gosto.

Nem preciso falar que é melhor tomar sem açúcar, né? Se a necessidade de adoçar for grande use adoçante ou mel.
Adquira consciência das calorias consumidas
Ter noção das calorias não significa começar a contar cada caloria consumida. A intenção dessa prática é adquirir consciência. Tente contar as calorias da sua comida por uma semana que vai ser o suficiente. Não adianta fechar os olhos e pensar que “só mais um chocolate” não vai engordar.

Certa vez fui almoçar com colegas de trabalho e todos foram ao McDonald’s, eu preferi o buffet livre e peguei um peixe, aí sabe como é... Sofri aquele bullying leve. Depois de comer peguei as caixinhas dos lanches e relaxei. A conta de um sanduíche com fritas, refrigerante e um sorvete de sobremesa deu mais de 1200 calorias, sendo que o recomendado para uma mulher sedentária é consumir 1400 calorias diariamente. Então sim, vale a pena ter noção do valor calórico da nossa comida. Assim tomamos decisões melhores.
Cuidado com as calorias líquidas
Sabe quando tiram sarro da pessoa que pede um hambúrguer com um refrigerante zero para acompanhar? É mais ou menos isso que vou sugerir. Refrigerante não é a melhor opção, mas às vezes dá vontade e se você substituir pelo sem açúcar a refeição não vai pesar tanto. Imagino que você deve estar lendo isso já falando "e o sódio??", mas calma que não é absurdo. Em 200 ml de Coca-Cola normal encontramos 0% do valor diário de sódio enquanto na Coca-Cola Zero tem 1% do valor diário.
A diferença mesmo está nos açúcares e valor calórico, a normal tem 85 calorias e 21 gramas de açúcar, enquanto na zero nem calorias tem. A informação calórica da Coca-Cola disfarça os açúcares como carboidratos e diz que essa quantidade equivale a cerca de 7% do valor diário. Estaria certo se fosse de fato carboidratos, mas a conta para açúcar refinado é mais rígida, a OMS recomenda 50 gramas de açúcar por dia para evitar complicações.
A regra vale para outras bebidas industrializadas, tipo os sucos de caixinha, cafés e energéticos. Sucos naturais também são cheios de calorias e mesmo sendo o açúcar “bom” temos que ter moderação, principalmente se você quer perder peso. O ideal mesmo é aprender a tomar água ou chá, principalmente para acompanhar refeições.
Reduza os alimentos brancos
Não tem jeito, pode ser triste, mas é a verdade: alimentos brancos são calorias vazias. Açúcar refinado, farinha branca, arroz branco, tudo branco provavelmente foi passado por um grande refinamento e apresenta pouco valor nutricional e muito valor “engordante”. Claro, o grande problema mesmo está no excesso. Muita gente exagera e nem percebe, depois reclama que não emagrece. Para não estranhar comece comendo fora de casa, dando preferência ao sanduíche do Subway com o pão integral e ao salgado integral da cantina da faculdade. Também vale cortar os açúcares escondidos e parar de achar que doce só é doce se está entupido de açúcar.

Aqui em casa uso só macarrão e arroz integrais, mas geralmente pão de forma prefiro o branco, como quase tudo que faço é integral me permito o pão de forma tradicional ou fazer um bolo com farinha normal sem neura.
Os truques valem também para as magrinhas de ruim, porque de nada adianta usar calça 36 se seu corpo tem um percentual alto de gordura corporal por causa da alimentação desregrada. Para saber quanta gordura tem no seu corpo evite os testes que encontramos no Google e consulte uma nutricionista.

Outra coisa importante de entender é que não adianta ficar arrumando desculpas. Pensar que não resiste a doces ou que alimentos integrais são intragáveis são só lamentações... Ninguém deve ser escravo de um tipo de comida. Tanto para comida saudável quanto comida "normal". Se você se sente preso a um certo tipo de alimento é porque precisa repensar sua forma de comer. Quem quer, faz. Se seu objetivo é perder uns quilinhos a primeira coisa (antes mesmo de botar em práticas novos hábitos) é criar vergonha na cara.

Se não for o caso, relaxa na bolacha e faça cookies ♥.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...